quinta-feira, 12 de setembro de 2013

MPX muda nome para Eneva após Eike Batista compartilhar o controle

Atualizado em 12/09/2013

Empresa de energia do grupo EBX formou em abril uma joint venture com a alemã E.On

A MPX Energia anunciou que, em Assembleia Geral Extraordinária realizada nesta quarta-feira (11), foi aprovada a alteração do nome da companhia para Eneva, segundo fato relevante divulgado ao mercado. A identidade visual da companhia também mudou, e o logo agora é composto pelas cores vermelho, amarelo e azul.
Divulgação
Logomarca da empresa de energia Eneva
Segundo a companhia, o significado do nome é composto pela letra “E”, de “energia”, combinada à palavra “NEVA”, que remete a “nova”. "A mudança reflete a nova fase da Eneva, que desde maio deste ano tem seu controle compartilhado entre a E.ON e Eike Batista, conforme acordo de acionistas vigente", diz o comunicado.
A E.ON adquiriu 24,5% das ações da Eneva pertencentes ao empresário, alcançando uma participação de 36,2% na empresa.
“Nesta nova etapa, vamos aproveitar o nosso DNA e, ao lado de nosso sócio estratégico, aprimorá-lo ainda mais”, afirmou Eduardo Karrer, CEO da Eneva, no comunicado. “A mudança de nome representa a significativa reestruturação que estamos conduzindo na companhia”, completou Frank Possmeier, Deputy CEO da Eneva.
As ações da Companhia continuarão a ser negociadas pelos códigos MPXE3 na bolsa de valores e MPXEY no mercado de balcão americano até que os pedidos de alteração sejam processados pela BM&FBovespa e pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).
Isolamento
A mudança de nome é vista por analistas como uma tentativa de isolar o que consideram a melhor empresa do EBX do risco associado ao grupo e da reação negativa contra Eike, de forma que se possa cessar a perda de valor das empresas e, consequentemente, reestruturar o grupo.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário